Saiba quando surgiram e quais foram os primeiros tipos de relógio!



Postado em 21-02-2017 13:14

É difícil sair por aí e encontrar alguém que não esteja atento ao relógio, ainda mais em dias corridos como os de hoje. Alguns até acreditam que o relógio é um acessório que surgiu há pouco tempo, porém isso não é verdade!

Desde a Antiguidade, o relógio é usado para medir o tempo. Surgiram com isso diversos tipos de relógio como relógio de sol, que possivelmente era usado pelos gnomos, o relógio de água que apareceu na Judeia 600 A.C. e, ainda, o relógio de areia mais conhecido como ampulheta.

No ano de 850 D.C., o primeiro relógio mecânico foi construído tendo como base engrenagens e pesos.

Alguns creem que o relógio de sol é a primeira forma de realizar a marcação do tempo durante o dia e o ser humano o desenvolveu levando em consideração a posição da sombra nos objetos durante o dia.

O sistema de funcionamento do relógio de sol leva em consideração a sombra que é projetada em um objeto que está no chão. De fato, o relógio de sol é o mais antigo, pois foi por meio do nascimento do astro que o homem percebeu que o fenômeno se repete de maneira regular.

O relógio de água é feito assim: a água deve ser colocada em um recipiente que tenha um furo. Logo depois, a água deve ser recolhida em um jarro. O tempo que essa água leva para encher o jarro é o como o tempo por meio do relógio de água é medido.

Sem dúvida alguma, diante de tantos tipos de relógio, o relógio de areia também chamado de ampulheta, se baseia no mesmo princípio do relógio de água. A passagem da quantidade de areia de um dos recipientes num fundo fechado para o outro, por meio de um orifício, leva um tempo sempre constante, e isso é levado em consideração para medir o tempo.

Os tipos de relógio como o de sol, de água ou de área são os acessórios mais antigos e os tipos de relógios mais modernos são: relógio de bolso, relógio de pêndulo, relógio de pulso, relógio de quartzo, relógio digital e relógio atômico.

O relógio de bolso surgiu por volta de 1500. Foi criado por Pedro Henlein, na cidade de Nuremberg e ficou conhecido como “Ovo de Nuremberg”, em razão do seu formato. O relógio de bolso foi construído de ferro, com corda para quarenta horas e um percursor da “mola espiral”.

Até 1580, não tinham métodos para determinar de maneira precisa, intervalos e tempos que são razoavelmente curtos. Isso mudou com a chegada do relógio de pêndulo. 

O período do pêndulo não depende da amplitude com que o movimento oscilatório é realizado.  Essa descoberta de Galileu foi a base para que os relógios de pêndulos funcionem, seja por meio de pesos ou de molas.

O relógio de bolso foi o primeiro dos tipos de relógio que começaram a ser usados pelas pessoas. Quem usava esses tipos de relógios de bolso indicava que a pessoa pertencia a aristocracia e tinha dinheiro.

Já o relógio de pulso ficou popular em razão da Primeira Guerra Mundial, pois esse tipo de relógio era usado pelos soldados que precisavam chegar em determinados locais com a maior precisão possível.

A indústria relojoeira ficou marcada no final do século XX com o relógio de quartzo que é extremamente preciso devido as vibrações do mineral. Porém, como estavam em busca de mais precisão, o relógio passou a ser fabricado com radiação eletromagnética do átomo de césio.

O relógio digital faz uso de meios eletrônicos para realizar o controle das horas, porém o cristal piezoelétrico, é capaz de gerar pulsos elétricos a uma frequência constante.  Esse é um dos tipos de relógio que são baratos e comuns, pois estão associados a diversos outros aparelhos eletrônicos.

Quem quer uma medição de tempo até 100 mil vezes mais precisa, deve recorrer ao relógio atômico, pois ele é considerado o acessório mais preciso que foi construído pelo homem. Em 65 mil anos, esse relógio atrasou apenas um segundo. 


 

 relogio-ampulheta-2 relogio-clepsidra   relógio-sol

 relogio-bolsorelogio-parederelogio-technos-skydiver-masculino-prateado-T205571P

 relogio-digital

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE: